novembro 30

Tem gente que cria o próprio problema

Estava eu pensando com meus piolhos, já que meus botões estavam de ressaca (sim eu bebo porque é líquido, se fosse sólido eu me empanturrava), e uma questão me veio a cachola com tudo:

“Tem gente que cria o próprio problema”

Sim, parece que não mas é verdade. Por exemplo, a pessoa compra um carro usado por meros R$ 2000,00. Criou um problema. Levou a namorada vestindo uma micro-saia no futebol de domingo com os amigos, criou um enorme problema. Ou como no caso que me mais me irrita, teima em algo que sabe que não funciona.
A pessoa assina um serviço e percebe que onde ela mora este serviço não funciona por “N” motivos (dentre esses “N” motivos eu não conto que o SER mora praticamente no meio no pantano, com a casa infestada de jacarés e vizinho de tribos indígenas canibais e ainda exige que o serviço seja 100%). Uma pessoa inteligente iria cancelar e procurar outra empresa, mas não o indivíduo insiste que aquilo tem que funcionar de qualquer maneira. Ele fica nervoso, grita, esperneia, arranca os cabelos, bate no filho menor, tudo por que ele é teimoso e insiste no que não dá certo!!
Agora pergunto, a culpa é de quem? Quem está criando todo esse transtorno? Quem está tornando a vida deste SER um inferno??
E ainda dizem que sou eu que faço tudo isso! Quem me dera ter todo esse poder!
OBS: A culpada de tudo isso é minha mãe que casou por amor! Se ela tivesse casado por interesse eu não estaria passando por tudo isso!

Texto Original do “A Beira de um Ataque de Nervos” Data 03/10/2007

por: @masola


Tags:,

Posted 30 de novembro de 2010 by Vilela in category "ABDUADN", "Texto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud